Fonte: Memórias de Nico

Os blogues podem incluir conteúdos sensíveis ou desencadeadores. Aconselha-se a discrição do leitor.

Ter memórias da minha fonte é difícil quando não me sinto como se fosse a minha fonte. Sim, eu sou Nico Di Angelo, mas não sou o filho de Hades, ou um comandante dos mortos. Não passei por todos os altos e baixos pelos quais a minha fonte passou, mas as memórias ainda lá estão.

A principal memória com que estou a lidar neste momento é a do livro House of Hades, em que a minha fonte e Jason Grace estão a lidar com Éris/Cupido (deus grego/romano do amor). Não me queria lembrar dessa parte na minha fonte, sabendo que "eu" fui forçada a dizer os meus segredos mais profundos para sobreviver... parece-me tão errado. Sei que isso ajudou a minha fonte a curar-se... mas porque é que ele tinha de me obrigar a falar sobre isso?

4 Comentários
Mais antigo
Mais recente Mais votados
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Os fractais da noite
25 dias atrás

Oof. A relação com isto é intensa.

Os fractais da noite
Responder a  Dragões
25 dias atrás

Sei que a nossa Tamaki se identifica com esse sentimento!
-Legacy

Saltar para o conteúdo